16 de março de 2016

[Resenha] O Busto de Adão e Outras Poesias

Título: O Busto de Adão e Outras Poesias
Autor: Bruno Félix
Editora: Chiado
Páginas: 127
Ano: 2015
Skoob: Adicione



Recheado com belas ilustrações, o livro nos traz em uma linguagem moderna poemas encantadores e alguns bem irônicos também, leia a resenha e conheça um pouco mais dessa obra.
Dividido em quatro partes, onde a primeira é sem título com uma coletânea de poemas que nos apresentam a alma poética do autor. A segunda é  O Livreto de Sonetos com textos bem elaborados que retratam diversos assuntos com intensidade nas palavras e onde também é possível perceber o lado músico do autor.
A terceira parte é intitulada Caderno de Haikai e como eu ainda não conhecia essa arte, foi uma deliciosa surpresa para mim. São versos simples e diretos, onde o poeta abrilhantou as páginas do livro  com uma estrutura totalmente diferente, deixando a leitura mais leve e as ilustrações se encaixaram perfeitamente, o que deu um aspecto visual ainda mais belo.
A última parte é O Busto de Adão, com quatro poemas e um epílogo. Aqui encontramos no autor, um contador de histórias nato. Através de sua escrita, Bruno nos apresenta a história de Adão, um homem trabalhador mas de muitos amores e que mesmo depois de casado não abandonou a farra e continuou encontrando-se às escondidas com outras mulheres. São textos com drama enraizado e a história é muito envolvente, essa última parte merece um destaque maior.
Minha impressão
Uma obra que certamente agradará ao amantes da poesia, o autor nos presenteia em cada página. A leitura é muito agradável e o autor tem a capacidade  nos trazer textos que saem de um toque leve para algo mais intenso, do romântico para o irônico, do moderno para o conservador. A divisão do livro em quatro partes ficou bem distribuída de maneira que se você abrir o livro aleatoriamente, logo identificará a que parte o texto é correspondente. 

Eu não poderia finalizar esta resenha sem mencionar as ilustrações de Arthur F. Padua, uma mais linda que a outra, completando perfeitamente a escrita do poeta. Algumas páginas contam com a beleza dessas ilustrações que conseguiram transparecer a essência de cada poema. 
Minha nota para o livro

Nenhum comentário:

Postar um comentário