4 de julho de 2016

[Resenha] A Garota do Calendário - Janeiro

Título: A Garota do Calendário - Janeiro (Livro 01)
Autora: Audrey Carlan
Editora: Verus Editora
Páginas: 144
Ano: 2016
Skoob: Adicione



Primeiro volume da série A Garota do Calendário, o livro de Janeiro já nos encanta com um romance de tirar o folego e partir nossos corações. Leia a resenha completa e saiba mais sobre a trama e sobre a série.
Mia se apaixonava facilmente e em todos os seus quatro relacionamentos ela só quebrou a cara. Cada um de seus ex-namorados deixou uma marca ruim em sua vida e agora ela não acreditar no amor. O último homem que passou pela sua vida (seu último erro, como ela mesma chama), foi o pior deles pois foi além do qualquer outro, ele mexeu com a sua família.

Filha de uma dançarina que abandonou a família, Mia e a irmã foram criadas pelo pai que se tornou um viciado em em jogos. Ele se meteu em uma verdadeira encrenca e está devendo um milhão de dólares (que baita encrenca!) para o ex-namorado de Mia, o Blaine. Ele é um agiota perigoso e não mede esforços para reaver o valor, por causa dele o pai das delas está n UTI e precisa de ajuda.
Para liquidar a dívida de seu pai, Mia aceita o emprego que sua tia ofereceu, ser acompanhante de luxo. No começo ela não quis aceitar pois dizia não ser uma garota de programa, mas a tia explicou sobre suas atividades e disse que o sexo não está no contrato, ou seja, ela apenas é uma acompanhante para eventos luxuosos e a decisão de ter relações sexuais com seus clientes é exclusivamente dela (Mas se tiver, o cliente deixa uma comissão de 20% para a acompanhante)

Logo que aceitou o emprego, um cliente se interessou e a contratou. O milionário Wes CharlesChanning III (esse nome rendeu boas risadas com as provocações de Mia),  é um roteirista muito conceituado que precisa de uma acompanhante para afastar as socialites interesseiras que ficam ao seu redor nos eventos onde ele precisa tratar de negócios ou mesmo se divertir.
O contrato de Mia é passar 24 dias com cada cliente e quando conheceu o Wes ela percebeu que passar todo esse tempo sem se relacionar sexualmente com ele seria um grande problema, pois além de ser lindo ele também é muito galanteador. Wes se mostra interessado na jovem e ela tenta resistir aos seus encantos, mas pensou poderia se divertir também, afinal, já sofrera tanto nos relacionamentos anteriores que um pouco de diversão não faria mal.

A regra era não se apaixonar, mas com o passar dos dias isso vai ficando cada vez mais difícil e ambos seguem à risca e tentam não levar a relação para o lado sentimental. Os dois gostam da química que rolou entre eles mas é apenas diversão e concordam com isso. Só que quando o final do mês se aproxima e eles se dão conta de que não estarão mais juntos, começam a duvidar se a regra não teria sido quebrada.
Minha impressão
Um romance erótico que nos prende na leitura logo em suas primeiras páginas. A trama é muito envolvente e flui de maneira rápida. Esse primeiro volume está encantador e é uma perfeita introdução para a série que promete fascinar seus leitores. Além de seu conteúdo picante, a obra também nos apresenta um lado de Mia um pouco mais engraçado e podemos dar algumas risadas em certos momentos da leitura. 

Enquanto acompanhva o envolvimento de Mia e Wes e eu ficava cada vez mais apaixonada por ele, cada vez mais triste por lembrar que o mês logo terminaria e cada vez mais ansiosa para chegar no final. Ai, gente, que final mais destruidor de corações!!! Eu tenho essa mania de gostar de livros que no final me deixam com o coração partido, mas é inevitável. O livro de janeiro é totalmente viciante e já quero ler todos os outros livros. Eu confesso que quero muito que a Mia fique com o Wes, mas ainda temos onze livros pela frente e em cada um deles teremos um cara maravilhoso que vai levar Mia à uma nova experiência, então, vamos esperar os próximos volumes que eu tenho certeza que estão tão apaixonantes quanto esse. 

Minha nota para o livro

Clique na seta para ver mais fotos

Nenhum comentário:

Postar um comentário