26 de agosto de 2016

[Resenha] #Tavapensandoaqui

Título: #Tavapensandoaqui
Autor: Sergio Nogueira
Editora: Autografia
Páginas: 220
Ano: 2016
Skoob: Adicione
*Cortesia da editora


Uma obra que traz crônicas sobre os mais variados temas e sempre com muito bom humor. Confira a resenha e saiba mais.
Na obra, encontramos situações do cotidianos que podem ter sido ou não vividas pelo autor ou algum conhecido, mas o interessante é que são situação possíveis e qualquer um de nós pode ter passado por algumas delas. O autor fala, em uma breve introdução, que desde 2013 começou a reunir em um caderno de anotações algumas ideias, eram histórias que ele contava em conversas com amigos. Tempos depois, começou a escrever seus textos em seu perfil do facebook e o conceito deu tão certo que foi incentivado por alguns leitores e amigos a criar um blog.

No blog #Tavapensandoaqui ele passou a receber comentários e viu seus textos alcançando maiores resultados. Nesse livro, o autor nos apresenta uma seleção das crônicas que ele achou mais interessantes.
Sergio Nogueira nos arranca boas risas com seus textos e também alguns momentos de reflexão. Não encontramos assuntos profundos, são assuntos simples do nosso dia-a-dia e que são contados de uma maneira divertida e leve.

Uma obra que pode ser lida de uma vez,  ler alguns textos por dia, ler nos intervalos do dia (quando a correria der uma pausa), no ônibus... Você quem sabe, não importa a maneira como você vá ler, o mais legal de tudo é que você vai se divertir, isso eu garanto.
Em algumas das crônicas percebemos que compartilhamos da mesma ideia que o autor, que talvez teríamos as mesmas reações ou os mesmos pensamentos. Quem não se irrita com a quantidade de senhas virtuais? Cada site precisa de uma senha e quando pensamos em colocar a mesma para todos, tem sempre um ou outro que precisa de alguma coisa especial e assim lá se vai a nossa ideia de deixar tudo igual.

Quem não se incomoda com as embalagens difíceis de abrir? Os recordistas são aqueles sachês de catchup (mostarda e maionese também)!!! Quem nunca se imaginou ganhando na Mega Sena? Quem nunca perdeu o ponto que precisava descer por ter cochilado? Ou, para os viciados em leitura como eu, por estar lendo? São situações como essas que encontramos no livro, mas são tantos assuntos que não tem como falar sobre cada um deles. Só digo que indico! Principalmente para quem busca uma distração.
Minha impressão
Acho que nem preciso dizer que me diverti muito com esse livro. A primeira coisa que me chamou atenção nele foi o título e logo depois foi essa capa que está super descontraída, bem no clima do livro. O que eu gostei bastante foi a escrita do autor, é uma linguagem bem atual e parece que estamos batendo um bom papo. Também gostei muito do humor presente em todos os textos e, em alguns, um leve toque de ironia. 

Não dá para falar de todos mas quero destacar um que me arrancou muitas gargalhadas: "#Tavapensando aqui que sempre cruzo com um colega no trabalho"
 Ele não trabalhava diretamente com o tal colega e não eram íntimos. Mas um dia ouviu uma conversa e escutou o nome dele: Rodrigo. Passou a chamá-lo de Rodrigo, por muito tempo. Até que um belo dia chegou o aniversário e no final do "parabéns" todo mundo cantou o nome dele: "Alexandre! Alexandre! Alexandre!" (Como eu ri nessa parte kkkk). Imagina a vergonha...  Passar um tempão chamando o cara de Rodrigo e o nome dele é Alexandre!!!

Enfim, é uma leitura agradável, cada capítulo traz uma crônica e são sempre textos curtos.

Minha nota para o livro

Nenhum comentário:

Postar um comentário