11 de agosto de 2016

[Resenha] Manual do Yeti

Título: Manual do Yeti
Autor: Gabriel Bertella
Editora: Percurso
Páginas: 180
Ano: 2016
Skoob: Adicione
*Cortesia da editora


Um Yeti viaja pelo tempo vivendo as mais diversas aventuras. Para saber mais, leia a resenha completa.
Manual do Yeti é uma obra que reúne nove contos dessa criatura curiosa e em cada um dos contos nós aprendemos um pouco mais sobre ele, pois em sua companhia está sempre um manual com algumas instruções. Ele viaja para épocas diferentes e no começo parece ser uma viagem aleatória, mas no último dos contos (Manual do Yeti) é revelada qual a ligação entre cada um dos lugares por onde ele passou.

Um resuminho sobre os contos:
1- Luna. No primeiro conto vemos um cachorrinha que mora em uma aldeia, ela nunca pôde passar para além de uma cerca e certa noite, quando não estava sendo vigiada, Luna escapou e conheceu o Yeti. Começava ali uma amizade verdadeira que o tempo jamais poderia apagar.

2- Rei Yeti. Após a morte de um determinado faraó o Yeti assumiu o reinado, ninguém entendeu o que estava acontecendo mas era melhor não contestar. Em posse do Manual do Yeti, eles aprenderam a cuidar dele e o reinado estava indo muito bem, até que... (essa parte, só lendo o livro para saber!!!)

3- O Mercador Árabe. Havia um mercador que não estava satisfeito com uma de suas mercadorias, o Yeti. A maneira como o animal chegou até ele foi muito estranha e com o passar do tempo ele se sentia amaldiçoado com a presença da criatura, então decidiu vendê-lo. Mas a tarefa não foi fácil, ele sempre acabava sendo devolvido.
4- Sir Yeti. Yeti agora estava com um feiticeiro que queria descobrir como conseguiu fazer aparecer esse ser. O neto de homem queria participar de um torneio promovido pelo rei e o prêmio seria a mão da princesa. Ao ver o Yeti, o jovenzinho viu a oportunidade perfeita para se destacar dos concorrentes e tentou treinar o animal para uma luta ensaiada.

5- Pirata Yeti. Um pirata que nunca encontrou um tesouro e a tripulação nunca participou de qualquer batalha, poderiam ser motivo de piada, mas a sorte deles mudou quando o Yeti os escolheu para que o levassem em um ilha jamais vista por um homem. Os demais piratas não ficaram satisfeitos com a escolha pois se tivessem sucesso ganhariam um lugar na frota do rei e um bom salário.

6- O Dilema das Carroças. Três irmãos carroceiros estavam levando suas carroças para a cidade, venderiam suas mercadorias e no meio do caminho acabaram dando carona para um Yeti que deveria ser deixado na cidade. A partir daí algumas desventuras acontecem com eles e a viagem fica mais difícil do que esperavam.

7- Detetive Yeti. Uma detetive e seu parceiro Yeti foram chamados para solucionar um caso estranhíssimo, pessoas estavam sumindo e no lugar delas apareciam espantalhos. Para resolverem esse caso eles precisarão olhar para o passado, para um caso antigo e talvez não gostem do resultado.
8- O Acampamento. Havia um menino que estava na companhia do Yeti, eles esbarraram em um acampamento e o animal sentiu-se à vontade por ali. Passaram algum tempo com o grupo e cada vez mais o menino via que o Yeti achava o lugar e as pessoas muito agradáveis. Será que o Yeti teria, finalmente, encontrado um lugar para repousar?

9- O Manual do Yeti. Esse último conto é o responsável por nos mostrar as ligações que não imaginávamos e ainda nos traz dois importantes personagens que nunca apareceram na história (não diretamente) mas que são muito importantes na jornada do Yeti.
Minha impressão
Eu me diverti muito com as aventuras do Yeti e me surpreendi com o último dos contos. Durante a leitura eu fiquei me perguntando como ele passava de um lugar para outro, como ele viajava no tempo e como ia sempre parar com pessoas tão diferentes umas das outras e o motivo disso tudo foi bem inusitado, gostei bastante da revelação. Uma baita criatividade do autor!

Um dos contos que eu mais gostei foi o Pirata Yeti, eu ri bastante com os piratas atrapalhados. O conto que mais me chamou atenção foi o da cachorrinha Luna, é um começo bem triste para uma história tão engraçada. O livro tem um final fofo! Traz uma mensagem bonita e é um momento emocionante da história. 

A capa é super bonita, a diagramação está maravilhosa, as folhas são amareladas e as letras em bom tamanho para a leitura. 

Uma obra indicada para o público juvenil mas que pode facilmente agradar todas as idades. A leitura é super rápida e ótima para nos tirar daquela ressaca literária que não vai embora por nada. 

Minha nota para o livro

Nenhum comentário:

Postar um comentário