[Resenha] Quatro Mulheres Sob o Sol da Toscana

7 de agosto de 2019

Título: Quatro Mulheres Sob o Sol da Toscana
Autor: Frances Mayes
Editora: Rocco
Páginas: 464
Ano: 2019
*Cortesia da editora
Adicione ao Skoob
Sinopse: Da mesma autora do best-seller Sob o sol da Toscana e escrito com o calor, o coração e as deliciosas descrições de lugares, comidas e amizades que se tornaram marca registrada de Frances Mayes, Quatro mulheres sob o sol da Toscana é a história de quatro mulheres norte-americanas que chegam à Itália como desconhecidas para, ao longo de um ano excepcional, se tornarem melhores amigas. Ela observa de sua terrazza enquanto as três mulheres carregam suas malas para dentro da casa de pedra ao pé da colina. Quem são elas, e o que as trouxe a esta aldeia toscana tão longe de casa? Sendo ela própria uma expatriada, e com sua própria história inacabada, não pôde deixar de se questionar: será que elas vão conseguir encontrar o que vieram buscar? Kit Raine, uma escritora americana que mora na Toscana, está trabalhando em uma biografia de sua amiga íntima, uma mulher complexa que continua a lançar sombra sobre sua própria vida. Seu trabalho é assombrado pela chegada de três mulheres – Julia, Camille e Susan –, que acabaram de desenvolver uma amizade espontânea que as fará sair da zona de conforto para mudar completamente o rumo de suas vidas. Susan, a mais aventureira das três, as convenceu a subverter as expectativas de uma aposentadoria careta ao alugar uma grande e bonita casa na Toscana. Embora novatas em meio a uma cultura estrangeira, seu senso de aventura renovada imbui cada uma delas de um brilhante senso de bravura, gosto pela vida e uma feroz determinação de prosperar. Mas como? Com a amizade e a orientação de Kit, estas mulheres irão se lançar na vida italiana, perseguindo paixões há muito esquecidas – com resultados imprevisíveis.
Resenha
Kit Raine é uma escritora americana que mora na Toscana com o seu namorado Colin, ela havia chegado há doze anos e toda a beleza do lugar e hospitalidade dos habitantes a conquistaram imediatamente. Kit está trabalhando na biografia de Margaret, uma escritora famosa e sua amiga íntima, Kit sempre a admirou e após a trágica morte da amiga ela vem descobrindo um passado secreto com muita dor e que revela o quanto Margaret foi forte para enfrentar tudo sozinha.

Certo dia, Kit está em seu jardim lendo quando presencia uma cena que ela própria já havia vivido, três americanas saltam de um carro e ficam maravilhadas com a vista deslumbrante. São três senhoras com um ar esperançoso. Kit está acostumada a ver turistas chegando e partindo, mas algo nessas três senhoras a faz se lembrar de como foi quando ela chegou ali. Logo as quatro serão ótimas amigas.
Susan, Camille e Julia largaram tudo para viver uma grande aventura, a liberdade fascinante que a idade lhes proporciona. Cada uma delas tem a sua história e ao se conhecerem um elo surgiu, uma amizade forte e verdadeira que lhes deu forças para continuar no momento em que mais precisavam de ajuda e quando pensavam que já não tinham mais o que fazer. Em pouco tempo elas se tornaram amigas inseparáveis, era como se já se conhecessem há muitos anos.

Camille perdeu o marido há pouco tempo e ainda está aprendendo a lidar com o luto. Susan enfrentou um período difícil e longo antes da morte de seu marido, ele sofreu com o Alzheimer, mas foi um tumor no pâncreas que o matou, agora Susan está em busca de novos rumos. Julia é uma mulher ferida e sua alegria foi desgastada pelo tempo, durante anos lutou para recuperar a filha e tirá-la das drogas e agora ela está desaparecida, e como se o sofrimento não fosse o bastante ainda descobriu estar sendo traída, tudo isso a levou a sair de casa.
“Algumas das melhores decisões da vida são tomadas irracionalmente. Uma lareira. Uma janela. Uma parede cor de açafrão. Uma vista de vulcões. A ideia de um mar mítico logo além das colinas.
Elas se empolgam com a ideia inesperada. Uma casa na Toscana, onde não conhecem ninguém. Tudo aberto à reinterpretação.”
Susan lhes mostrou a foto de uma casa na Toscana que estava alugando, era tudo o que elas precisavam, um escape, uma mudança, a liberdade. Uma grande aventura, sair da zona de conforto e fazer algo completamente novo. Elas teriam a chance de começar novamente, poderiam se reinventar.

E Kit vê nas três um pouco de sua amiga Margaret, que foi complexa e misteriosa enquanto estava viva e depois de tantos anos de sua morte é que Kit está desvendando os segredos que Margaret escondia. Enquanto Susan, Camille e Julia se descobrem novamente, Kit recebe uma notícia inesperada que a abala completamente e mudará a sua vida.
Minha impressão
Que leitura deliciosa, um livro leve e despretensioso, que nos faz viajar através de suas páginas e nos apresenta a um lugar encantador, com uma culinária beirando a perfeição e com pessoas hospitaleiras e unidas. Uma das melhores coisas na leitura é podermos usar a nossa imaginação para embarcarmos em uma viagem própria e única que um bom livro nos proporciona e Quatro Mulheres Sob o Sol da Toscana nos dá todos os componentes para que tenhamos uma ótima experiência.

A escritora Kit já morava na Toscana e estava acostumada com a vida por lá, turistas chegavam e partiam o tempo todo, mas quando chegam três americanas idosas tudo muda, em pouco tempo elas se tornam amigas. Kit está trabalhando na biografia de uma amiga que morreu e que era uma escritora talentosíssima, Margaret tinha muitos segredos e Kit os está descobrindo conforme avança no passado da amiga.

Camille perdeu o marido há pouco tempo e ainda está aprendendo a lidar com o luto, ela sempre teve talento para a pintura e durante muitos anos ela reprimiu seus instintos e se privou de fazer aquilo que gostava, mas agora está se permitindo voltar a pintar e vai surpreender a todos com as suas pinturas magníficas. Julia tem uma filha viciada em drogas e foram tantos anos de luta que ela se desgastou, não tem mais forças para procurar a filha e ainda descobriu a traição do marido, então ela largou tudo e saiu de casa. Susan está em busca de um novo rumo para a sua vida, quando o marido morreu ela ficou parada no tempo, sem saber o que fazer, mas sente que é a hora de fazer alguma coisa, conhecer Susan e Camille a fez querer se mover novamente e ela as convida para alugarem uma casa na Toscana.

Camille, Julia e Susan são três senhoras que estão se redescobrindo e junto com Kit a amizade que elas formam é linda e verdadeira. Esse é um livro sobre mudanças e recomeços, sobre novas possibilidades e sobre a amizade. Um livro envolvente e inspirador!

Minha nota para o livro

6 comentários:

  1. eu preciso começar a ler umas coisas mais levinhas, porque eu tô ficando saturada de tanta coisa pesada pra ler, nossa.
    Eu achei bem legal isso dos segredos da amiga, deve ser muito gostoso acompanhar essa jornada, já coloquei o livro na minha wishlist, desesperada por ele estou ahahahahahaha

    ResponderExcluir
  2. Olá, tudo bem? Não conhecia esse livro ainda, mas fiquei bem curiosa para ler depois de ler tua resenha. Parece ser uma história muito bonita e bastante inspiradora mesmo. Adorei a dica!

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir
  3. O que me chamou atenção foi a ambientação: Toscana. Acho tão inspirador! Mesmo já tendo filmes e livros com essa ambientação. Personagens com idades mais avançada também me conquistam. Anotando a dica para leitura futura.

    ResponderExcluir
  4. É incrível quando começamos uma leitura despretensiosamente e ela nos conquista, não é? Eu não conhecia esse livro, mas adorei a premissa dele. Senhoras se redescobrindo e tudo... parece incrível! Sem dúvidas vai para a minha listinha <3 Adorei sua resenha e toda emoção que o livro lhe proporcionou.

    Beijos,
    Blog PS Amo Leitura

    ResponderExcluir
  5. Olá,
    É o tipo de livro que gosto de ler, com redescobertas, superação e amizade. Parece um bom drama que aquece o coração, gosto dessa coisa de mudar de ares e assim descobrir novas possibilidades e novas chances de viver. Parece muito bom!

    Dbeyh
    Eu Insisto

    ResponderExcluir
  6. Oiiie flor, esse é definitivamente um livro que eu leria. Gostei muito da sua resenha e de como você passou a emoção que o livro de trouxe. Com certeza vou pesquisar mais sobre essa obra, obrigada pela dica.

    ResponderExcluir