[Resenha] Doutor Sono

9 de dezembro de 2019

Título: Doutor Sono (Livro 02)
Autor:  Stephen King
Editora: Suma
Páginas: 480
Ano: 2019
Adicione ao Skoob
*Cortesia da editora (Livro disponibilizado através da plataforma NetGalley)
Sinopse: Mais de trinta anos depois, Stephen King revela a seus leitores o que aconteceu a Danny Torrance, o garoto no centro de O iluminado, depois de sua terrível experiência no Overlook Hotel. Em Doutor Sono, King dá continuidade a essa história, contando a vida de Dan, agora um homem de meia-idade, e Abra Stone, uma menina de 12 anos com um grande poder. Seus destinos se cruzam com uma tribo chamada Verdadeiro Nó, que viaja em trailers pelas rodovias da América. Eles parecem inofensivos-em sua maioria idosos, com roupas fora de moda, vivendo vidas nômades. Mas como Dan sabe, e Abra logo irá descobrir, o Verdadeiro Nó é um grupo quase imortal, que se alimenta do vapor exalado por crianças iluminadas quando são lentamente torturadas até a morte.
Assombrado pelos habitantes do Overlook Hotel, onde passou um ano terrível de sua infância, Dan ficou à deriva por décadas, desesperado para se livrar do legado de alcoolismo e violência do pai. Finalmente, ele se instala em uma cidade de New Hampshire, onde encontra abrigo em uma comunidade do Alcoólicos Anônimos que o apoia e um emprego em uma casa de repouso, onde seu poder remanescente da iluminação fornece o conforto final para aqueles que estão morrendo. Ajudado por um gato que prevê a morte dos pacientes, ele se torna o Doutor Sono.
Então Dan conhece Abra Stone, uma menina com um dom espetacular, a iluminação mais forte que já se viu. Ela desperta os demônios de seu passado e Dan se vê envolvido em uma batalha pela alma e sobrevivência dela. Uma guerra épica entre o bem e o mal, uma sangrenta e gloriosa história que vai emocionar os milhões de fãs de O Iluminado e satisfazer os leitores deste novo clássico da obra de King.

Nova trilogia de Julia Quinn | Os Bevelstoke

5 de dezembro de 2019

Na última terça-feira (03) a Editora Arqueiro realizou um encontro com livreiros e blogueiros e no evento anunciou a publicação da nova trilogia da Julia QuinnOs Bevelstoke. Segundo a editora, se tudo ocorrer dentro do planejado, os livros serão publicados com espaço de um mês e o primeiro volume tem previsão de lançamento para janeiro, ou seja, no primeiro semestre de 2020 já teremos todos os três livros (Vamos torcer para que tudo saia conforme o esperado).

[Resenha] Versos Livres, Como Nós

4 de dezembro de 2019

Título: Versos Livres, Como Nós
Autor: Kinaya Black
Editora: Letramento
Páginas: 95
Ano: 2019
Adicione ao Skoob
*Cortesia da autora
Sinopse: Versos livres, como nós é uma coletânea de poemas afro centrados, focados nas experiências da negritude feminina, vindos da inspiração de diversas vozes que não querem mais ter sua negritude apagada. Dividido em três partes, EXISTÊNCIA, que apresenta poemas gerais sobre o cotidiano, ESSÊNCIA, o ser feminino e seus altos e baixos na busca de se encontrar, e CONVIVÊNCIA, as idas e vindas da busca pelo sentir-se amada, aborda sobre a sexualização do corpo negro, a solidão da mulher negra, a construção de uma identidade, a resistência aos padrões opressores e o amor ao próprio ser.

Sombra Lunar | Netflix [Resenha]

3 de dezembro de 2019

Sinopse: O policial Thomas Lockhart está determinado a se tornar detetive. Para isso, segue os rastros de um misterioso serial killer que ataca com uma arma desconhecida. As mortes praticamente instantâneas têm como padrão apenas uma marca triangular no pescoço das vítimas. A cada nove anos tudo se repete, alimentando a obsessão do homem da lei.

[Resenha] Agir e Pensar Como Um Gato

2 de dezembro de 2019

Título: Agir e Pensar Como Um Gato
Autor: Stéphane Garnier
Editora: Valentina
Páginas: 208
Ano: 2019
Adicione ao Skoob
*Cortesia da editora
Sinopse: Ao observar Ziggy, seu gato, Stéphane Garnier começou a perceber que muitas coisas que fazia sem ter vontade, muita gente com quem convivia e nada tinha a lhe acrescentar, muito estresse e energias negativas que trazia para casa depois de um dia de trabalho só serviam para uma coisa: fazer com que se sentisse mal, pra baixo, infeliz...
Foi num desses dias em que Ziggy caminhava pela sua mesa de trabalho, deitava-se sobre o teclado do computador e não parava de mordiscar a tampa da caneta, que Stéphane entendeu que ele estava querendo lhe transmitir uma mensagem: “Ei! Que tal desligar um pouco?”
Desligar... Talvez fosse esse o segredo que ele desejava contar já havia algum tempo: largar de mão, entregar-se ao essencial, pensar no próprio bem-estar, ou seja... Viver como um gato!
Stéphane descobriu que os gatos vivem muito melhor do que nós! São livres, honestos, carismáticos, nobres, independentes... e temos MUITO a aprender com eles.

[Resenha] Apenas Um Olhar

27 de novembro de 2019

Título: Apenas Um Olhar
Autor: Harlan Coben
Editora: Arqueiro
Páginas: 352
Ano: 2019
Adicione ao Skoob
*Cortesia da editora
Sinopse: Uma foto pode contar muitas mentiras...
Ao buscar um filme que mandou revelar, Grace encontra, no meio das fotos, uma que não pertence ao rolo. É uma imagem de cinco pessoas, tirada no mínimo vinte anos atrás. Quatro delas não lhe são familiares, mas a quinta é muito parecida com seu marido, Jack.
Ao ver a foto, Jack nega ser ele. Só que, mais tarde, ele foge sem nenhuma explicação, levando a fotografia.
Sem saber por que ele se foi, Grace luta para proteger os filhos da ausência do pai. Cada dia que passa traz mais dúvidas sobre si mesma, sobre seu casamento e sobre Jack, assim como a compreensão de que há outras pessoas procurando por ele e pela fotografia – inclusive um violento e silencioso assassino.
Quando entende que não pode contar com a polícia, e que seus vizinhos e amigos têm os próprios objetivos secretos, Grace precisa enfrentar as partes sombrias de seu passado para descobrir a verdade que pode trazer seu marido de volta.
HARLAN COBEN JÁ VENDEU MAIS DE 70 MILHÕES DE LIVROS VENDIDOS NO MUNDO.