[Resenha] O Caderno dos Corajosos - A Ascensão dos Bonecos de Ar

26 de agosto de 2019

Título: O Caderno dos Corajosos - A Ascensão dos Bonecos de Ar #1
Autor: Troy Cummings
Editora: Fundamento
Páginas: 96
Ano: 2016
Adicione ao Skoob
*Cortesia da editora
Sinopse: Alexander Bopp mal se mudou para Stermont e já sabe que sua nova cidade esconde segredos horripilantes. Primeiro, ele encontra um caderno recheado de desenhos e informações ultrassecretas sobre monstros. Depois começa a ter alucinações e a ver bonecos de ar - daqueles que ficam nos postos de gasolina para chamar a atenção - por todo o lado. Mas a situação fica ainda pior: no primeiro dia de aula ele descobre que a escola é, na verdade, um hospital desativado! Que tipo de cidade é essa??? Será que os bonecos de ar estão mesmo atrás dele ou será apenas imaginação? E o que significam todos aqueles desenhos horripilantes no caderno? Embarque já nessa aventura superdivertida e descubra tudo isso junto com o Alexander!
Resenha
Alexander Bopp é um menino que acabou de se mudar e além de precisar lidar com todas as questões envolvendo uma nova cidade e uma nova escola ele vai enfrentar situações apavorantes, Stermont é um lugar bizarro e com muitas coisas estranhas. Alê vai precisar de muita coragem para o que vai encontrar.

A cada segundo na nova cidade ele descobre algo assustador. Para começar, bonecos de ar aparecem do nada e eles têm um aspecto muito sinistro. Por todos os lados coisas estão se esvaziando, sejam bolas de futebol, pneus de carro ou balões de aniversário, nada mais para cheio, por outro lado, os bonecos de ar continuam aparecendo por aí sem que ninguém além de Alexander os veja e continuam bem cheios.
Ele estava indo à escola com o pai, mas os pneus do carro esvaziaram de repente e ele precisou continuar o restante do caminho sozinho. O pai lhe entregou um mapa e deu instruções de como chegar, mas aparentemente o mapa não estava atualizado e o local marcado como escola era um lugar prestes a ser demolido e ele quase sofreu um acidente, mas lá Alê encontrou um caderno tão estranho quanto toda a cidade.

Esse caderno estava recheado de desenhos de monstros, era uma espécie de catalogação de monstros com informações secretas sobre cada um deles como habitat, alimentação, comportamento e alguns avisos. Depois disso ele encontrou a diretora que o mostrou onde era a escola de verdade e ao chegar lá, Alê teve uma baita surpresa, a escola era um hospital desativado!
Alê se encheu de coragem e entrou na escola e descobriu que a sua sala é no necrotério. NECROTÉRIO. Tem como as coisas ficaram piores? Tem! Alexander vai passar por maus bocados. Como em todas as escolas sempre tem um valentão, ali não seria diferente. Rip é um garoto que começa a pegar no pé dele e parece que vai lhe causas grandes problemas. Alê ainda tem que se preocupar com a sua festa de aniversário no dia seguinte.

Ele faz aniversário em 29 de fevereiro, então como não está em um ano bissexto o seu pai disse que ele poderia ter uma festa em qualquer dia e escolheu justamente o dia seguinte ao seu primeiro dia de aula. Bom, Alê não entregou os convites e esperava que ninguém aparecesse em sua festa, mas teve alguém que viu o convite em sua mochila e resolveu aparecer. Só que eles não esperavam que durante na festa tivesse um ataque dos bonecos de ar, os meninos se surpreenderam e vão precisar agir rápido para derrotar esses monstros.
Minha impressão
Que leitura mais gostosa! O Caderno dos Corajosos – A Ascensão dos Bonecos de Ar é um livro cheio de aventuras e tem mensagens muito bacanas sobre enfrentar os medos. Esse é o primeiro volume nos traz a história dos bonecos de ar que estão roubando o ar da cidade para colocarem em prática um plano perverso, Alexander Bopp acabou de se mudar e se deparou com esses monstros que ninguém mais consegue ver.

No primeiro dia de aula ele descobriu que a escola é um hospital desativado, que a sua sala de aula é um necrotério, que o seu professor parece doido de pedra e que a cidade está infestada de monstros escondidos. Essa informação ele conseguiu ao encontrar um caderno abandonado que contém dados secretos de monstros e fica muito assustado com o conteúdo do caderno.

As coisas vão ficando cada vez piores e é muito legal acompanhar a maneira como o Alê vai passando por tudo e superando os seus medos. É uma leitura indicada para crianças a partir dos sete anos, eu li com o meu filho que tem seis e ele adorou, inclusive me perguntou sobre as histórias dos monstros do caderno e ficou curioso com o próximo livro. O segundo volume é O Dia das Superminhocas e parece ser tão bom quanto esse.

O livro conta com ilustrações lindas que deixam a leitura ainda mais atraente para as crianças, as ilustrações foram feitas pelo próprio autor. Eu amei demais o livro e recomendo!

Minha nota para o livro

13 comentários:

  1. Que interessante. Esse eu não conhecia. Eu curto alguns títulos juvenis da editora e faz um bom tempo que não leio nada deles.

    Minha filha viu comigo aqui e já me pediu!

    ResponderExcluir
  2. que fofo! Eu conheço a editora principalmente pelos livros infantis ou YA deles!
    Adorei essa dica, já quero com toda certeza comprar pro meu irmão! Adorei o miolo do livro, super fofinho! Tô apaixonada!
    Amei a resenha e as fotos!

    ResponderExcluir
  3. Quero muito ler, a leitura vai ser bem rápida e parece ser gostosinho de ler.
    Amei a dica.
    Beijocas.

    https://www.parafraseandocomvanessa.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Eu adoro livros infanto, eles são uma leitura leve, divertida e ótima para descansar a mente entre uma leitura densa e outra. Já faz algum tempinho que não leio nada no estilo, e O Caderno dos Corajosos me pareceu ser uma ótima pedida. Já anotei a dica aqui e assim que der irei lê-lo.

    Beijos.

    Books and Movies
    www.booksandmovies.com.br/

    ResponderExcluir
  5. menina, eu estava comentando hoje com uma amiga sobre esse livro, ela tinha me falado que leu e amou e agora vejo sua resenha, só me deixou com mais vontade de ler, parece ser realmente muito bom
    além disso, se trata de lidar com medos, É PARA MIM, porque olha...
    lindas ilustrações, amei sua dica

    ResponderExcluir
  6. Oiii Bea

    Adorei a dica, é tão dificil eu conhecer as novidades dessa editora e eles tem uns lançamentos super bacanas. Adoro livros com ilustraç5es e gostei desse com mensagens inspiradoras pra gente enfrentar os medos, parece ser legal, leve e viciante de se ler. Dica anotadissima.

    Beijos, Alice

    www.derepentenoultimolivro.com

    ResponderExcluir
  7. Oi, Beatriz como vai? Excelente sua resenha. Esse livro é bem bacana, preciso lê-lo urgentemente. Abraço!

    https://lucianootacianopensamentosolto.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Olá, tudo bem? Que premissa mais bacana! Eu ainda não conhecia esse livro, mas adoro essas leituras mais juvenis, pois são sempre divertidíssimas, haha. Adorei a resenha e dica, com certeza irei ler!

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir
  9. Eu acho a coisa mais fofa do mundo essas leituras que você faz com seu filho, de verdade! Já vou anotar a sua dica porque tenho uma irmã pequena e ela ama esse tipo de livro também, espero que não pare por aí e tenha varios volumes porque parece realmente ser um tipo de história gostosinha de se acompanhar.

    ResponderExcluir
  10. Acho super importante trabalho o tema do medo com as crianças. Aqui tem muitas histórias, mas como eles ainda são pequenos, vou deixar para conferir em outro momento sua indicação.

    ResponderExcluir
  11. Olá,
    Confesso que me empolguei durante a sua resenha hahahaha Este livro tem tudo que eu gosto sem contar as ideias loucas seguida de ideias loucas. Gostei de ter ilustrações também.

    Debyh
    Eu Insisto

    ResponderExcluir
  12. Não conhecia esse livro, mas fiquei curiosa só pela sua resenha. Gostei da premissa dele e principalmente da mensagem sobre enfrentar seus medos. Gosto de livros assim, que me faz refletir. Já vou adicionar na lista!

    Beijos,
    Blog PS Amo Leitura

    ResponderExcluir
  13. Oi, Bea! Quando eu vi a capa, logo pensei "é um livro infantil?" e cada vez tive mais certeza, até chegar na sua confirmação. Parece ser um livro divertido, anotei a dica (pra mim) e pra minha irmã.

    ResponderExcluir