16 de outubro de 2015

[Resenha] Padma

 DE KELLY HAMISO 


Título: Padma
Autor: Kelly Hamiso
Editora: Novo Século
Páginas: 512
Ano: 2014

Site Skoob Fanpage


Padma é um livro que te envolve na leitura, uma história de amor que é capaz atravessar todas as barreiras, inclusive a do tempo. Dois jovens apaixonados mas ambos com um segredo que pode abalar o relacionamento. O casal vai se ver envolvido com uma perigosa organização e serão alvo de Arimã, um anjo corrompido. Para ficarem juntos precisarão confiar um no outro e entenderem que não estão sozinhos! Um livro encantador, continue lendo e veja a resenha.


O livro começa com uma história antiga de uma camponesa muito bonita, filha de um ferreiro que devia impostos ao senhor das terras, para livrar o pai da morte a jovem foi obrigada a se casar com o senhor, um feiticeiro. A camponesa era apaixonada por um rebelde e por ainda não ter se casado, encontrava-se escondido com ele em um vale. Essa história tem um final trágico e eles foram impedidos de viver esse amor.

Muitos anos depois começa a história da nossa protagonista, já nos dias atuais, Jéssica é dona de uma beleza exuberante e tem apenas dezessete anos, é herdeira de uma família muito rica e uma modelo famosa em Nova York. Mas a menina não tem um vida feliz, vive pelas ordens de seu chofer, hein? isso mesmo, Sérgio trata Jéssica como se fosse o dono dela e, na verdade, é bem isso que ele gostaria de ser. Jéssica perdeu o pai muito cedo e vê Sérgio como pai, porém ele a cobiça e faz de tudo para torná-la sua.
Jéssica vive isolada em seu apartamento em Nova York e só tem contato com Sérgio, pois ele faz questão de afastá-la de todos. Ela está infeliz e deseja passar umas férias com a família no Brasil, após relutar, o chofer permite. A jovem é muito ingênua e sempre faz o que Sérgio manda, mas ao chegar na casa de sua avó, logo é alertada sobre as intenções do chofer. O que ela não imaginava é que essa viagem ao Brasil poderia ser a melhor decisão de sua vida, ou não!

Ela tem um relacionamento ruim com a mãe que está sempre viajando, elas pouco se falam e raramente se encontram, por esse motivo ela decide ir passar um tempo na casa da avó e lá ninguém a conhece como uma modelo famosa, poderia viver ali uma vida tranquila e comum. Logo ela passa a conhecer os amigos do seu tio e dentre eles está Beto, um rapaz que nenhuma garota se interessa e que tem uma auto estima muito baixa.
Beto é ainda jovem mas carrega uma enorme responsabilidade, ele é o chefe do grupo que tem como disfarce uma oficina mecânica (o verdadeiro trabalho é um segredo que o leitor vai desvendando aos poucos). Um homem rebelde, que só veste preto, fuma e bebe, fala muitos palavrões e tem uma tatuagem bem significativa, resumo: nada a ver com Jéssica, mas os opostos se atraem! ela se encanta com o rapaz e se apaixona perdidamente por ele. Beto não entende o porque de Jéssica gostar dele mas, relutante, admite que também está apaixonado por ela.

Os dois tem segredos, Beto esconde seu verdadeiro serviço e Jéssica a sua verdadeira identidade. Mas do que eles têm certeza é do amor que sentem um pelo outro. Beto teme que ao revelar com o que realmente trabalha afaste sua amada e Jéssica teme revelar sua identidade para não intimidar o rapaz, mas pretende contar-lhe logo, só está esperando o momento certo. Enquanto vivem o relacionamento cheio de altos e baixos eles não sabem que bem de perto alguém os vigia, Arimã, o anjo corrompido.


Arimã não quer que essa união se mantenha firme e vai trabalhar para tentar afastá-los, vai usar de todos os meios possíveis (até os proibidos, afinal ele é um corrompido) para conseguir isso. O corrompido não tem limites e aguarda ansiosamente pelo dia em que conseguirá realizar o desejo que há anos esconde.

Jéssica tem uns sonhos constantes e muito reais, nos sonhos ela vê uma mulher linda, com um vestido lilás e em um lago, no sonho também aparece um camponês rebelde, tem alguns outros detalhes que não posso revelar para não ter spoiler, ela se sente muito conectada a esses sonhos mas não entende o porque. Em breve, ela descobrirá. Outra conexão forte que acompanha Jéssica é a flor de Lótus (ou Padma), que pelo seu histórico está completamente relacionada a Jéssica.
"Puxe-o das profundezas do lodo, faça-o emergir para a luz. Padma imaculada"
Temos outros personagens secundários no livro e que estão muito bem colocados pela autora, todos são peças fundamentais para a trama e só não vou comentar sobre eles para a resenha não ficar muito grande, mas ainda preciso falar de um... Bento! ele é irmão de Beto e também se apaixonou por Jéssica, a diferença é que Bento é o garanhão das redondezas.

A capa é linda, a escrita da autora é bem atual, a diagramação ótima e a história é maravilhosa, de maneira que você se envolve tanto com a leitura que quando percebe já chegou ao final. O livro tem 512 páginas e a leitura flui tão bem, que você nem percebe o quanto já leu.

Minha nota para o livro

Nenhum comentário:

Postar um comentário