19 de dezembro de 2016

[Resenha] Batom no Dente

Título: Batom no Dente
Autora: Maria Helena Mossé
Editora: 7 Letras
Ano: 2016
Páginas: 108
Adicione no skoob
*Cortesia da Oasys Cultural


Sinopse: A mulher e suas dúvidas, amores e dissabores. Batom no dente, livro de estreia da escritora e psicanalista Maria Helena Mossé, como o título sugere, traz uma galeria de personagens femininos em situações de insatisfação, inadequação ou expectativa. Afinal, o que querem as mulheres?, indagaria o fundador da psicanálise Sigmund Freud. A autora não tenta responder, mas apresenta, através de sua prosa madura e elegante, rica em recursos narrativos, protagonistas de variadas idades e classes sociais – inclusive dois homens preocupados com o que as mulheres e os amigos pensam deles – que se inquietam, questionam e se movem em busca de realizar seus desejos. Como a moça do interior que ascende a dondoca na Barra da Tijuca e vai procurar a amiga que a desafia, a ex-esposa que finalmente se livra do jugo subliminar do ex-marido, a mulher casada e entediada que sai para passear com o cachorro numa noite chuvosa e vislumbra um grande amor.
Com uma escrita elegante, a autora aborda temas do cotidiano feminino e nos apresenta histórias que podem ter sido vivenciadas por nós ou alguma conhecida. Em cada um dos contos encontramos personagens diferentes e reais, que passam por dificuldades, dilemas, tentam superar e exibem a garra que toda a mulher tem.
A autora reúne contos que nos falam sobre a mulher, em diferentes épocas de sua vida e em diferentes classes sociais. São contos que mostram a intimidade, que expõem com naturalidade assuntos femininos, que são delicados e ao mesmo tempo transmitem força. São histórias soltas, diferentes, mas algumas estão interligadas e quando vemos a conexão entre elas, percebemos a originalidade da autora na maneira como o faz.
No conto que dá nome ao livro, Batom no Dente, vemos Odete, uma senhora que vai ao encontro de antigas amigas da escola. Odete sabe que não é mais a garotinha de quando conheceu a turma, também sabe que o tempo passou para todas, mas não se sente à vontade em se apresentar para as antigas amigas.

No caminho, ela lembra de como foi uma adolescente rebelde, de como gostava de fazer coisas para colocar uma mancha na família que se dizia perfeita, lembra do divórcio e algumas questões que a fazem ver como a sua vida passou. Sem dúvidas, um dos melhores contos da obra e, para mim, esse foi o melhor.
Minha impressão
Batom no Dente é uma leitura extremamente prazerosa, a escrita da autora é madura e inteligente. Todos os contos são tão agradáveis e realistas, que sentimos como se já conhecêssemos as cenas relatadas.

São textos curtos, que exploram ao máximo o que cada conto tem para oferecer e a leitura se torna muito rápida. Quando terminei de ler, eu fiquei com vontade de ler mais! 

E essa capa? Eu achei maravilhosa, bem diferente e simplesmente perfeita para o livro! Essa foto desfocada de uma mulher, me passou a impressão de que os contos podem representar qualquer mulher (assim como os próprios contos parecem histórias de alguma conhecida), não sei se foi essa a intenção mas foi a impressão que eu tive... De qualquer maneira, a capa está linda. 

Minha nota para o livro

13 comentários:

  1. Oi Beatriz,

    Gosto muito de livros de contos, e achei uma otima indicação!!

    Bjs,

    Tiago Valente

    ResponderExcluir
  2. Olá, Beatriz.
    Não conhecia este livro. Apesar da capa ser bem simples, é instigante e dar um ar diferente.
    Fico feliz que tenha gostado tanto do livro, creio que eu também gostaria de realizar a leitura dele.

    ResponderExcluir
  3. Olá Beatriz, tudo bem?

    Eu te confesso que não conhecia essa obra, muito menos a autora. Achei a capa apesar da simplicidade, bem legal. Fico contente que a leitura tenha sido prazerosa para você, pois independente do ritmo do leitor, é bom quando chegamos ao final da leitura e gostamos da mesma, algo que foi o seu caso. Apesar de instigante a obra, no momento não pretendo ler. Obrigado pela dica!
    Bjuss

    ResponderExcluir
  4. OOi!
    Não conhecia o livro e nem a autora dele, mas seus comentários positivos me deixaram com vontade de lê-lo. Achei que, pela premissa, é um livro bem original. Dica anotada!

    Ótima resenha!
    Beijoos!

    ResponderExcluir
  5. Adoro livro com contos. São rápidos e a leitura flui. Fiquei com vontade de ler.

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Adorei essa dica! Já vou adicionar a minha lista porque gosto muito de livros de contos e mais ainda quando falam de temas contemporâneos.
    Bjss

    ResponderExcluir
  7. Oie, Beatriz. Eu gosto muito de contos, gosto da versatilidade dos livros que, na verdade, contam várias estórias em um só volume. O universo feminino é tão complexo e fantástico que permite uma variedade infinita de temas para explorar. Fiquei curioso. A capa também chamou minha atenção, é bem diferente mesmo, e sua interpretação se encaixa perfeitamente na ideia.

    *☆* Atraentemente *☆*

    ResponderExcluir
  8. Bez também tive a mesma sensação que você em relação a capa! <3
    Faz um tempo que não leio livros de conto, mas admito que li poucos e os que li eram focados no tema natal! hahaha Amo contos natalinos! <3
    Acredito que seja uma ótima ideia começar a ler contos de outros temas e que esse seja uma ótima pedida.

    ResponderExcluir
  9. Oiii Beatriz, tudo bem?
    Eu não conhecia a obra e achei a capa incrível tanto que adoraria ter na minha estante, sua resenha me deixou instigada ainda mais sobre esses contos.
    Beijinhos da Morgs

    ResponderExcluir
  10. Olá =) Não conhecia o livro, adorei conhecer através de sua, além de me apresentar me deixou interessada. Gostei da ideia da autora ter feito contos independentes mais que tenha ligação. Beijos'

    ResponderExcluir
  11. Oi Bea,
    Essa capa é realmente muito bonita, achei um encanto.
    Gostei da proposta dos contos, em mostra a mulher em diferentes épocas. Esse universo é tão extenso que rendem histórias diversas.
    Adorei a dica.
    Bjim!
    Tammy

    ResponderExcluir
  12. Olá, tudo bem? Adoro contos, ainda mais curtinhos que dá pra ler rapidamente, principalmente tratando desse nosso universo que é a mulher. Gostei bastante, dica anotada (;
    Beijos,
    http://diariasleituras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Oie, Bia
    Esse livro parece ter uma proposta bacana. Só não ando lendo contos ultimamente. O único que coloquei na minha lista foi o Vilarejo. Mas gostei de ler as suas impressões.
    Beijos

    ResponderExcluir