3 de setembro de 2015

[Resenha] A Distância Entre Nós

 DE THRITY UMRIGAR

Título: A Distância Entre Nós
Autor: Thrity Umrigar
Editora: Globo Livros 
Páginas: 333
Ano: 2015





A Distância Entre Nós é o segundo livro que leio da autora, o primeiro foi A Hora da História (resenha aqui), Thrity possui uma escrita simples e que me deixou completamente envolvida com a história, o livro aborda temas como aborto e a violência contra a mulher mas além disso nos leva a conhecer os costumes e as tradições da Índia que é o país de origem da autora. 

Bhima é uma senhora trabalhadora e com uma vida sofrida, foi abandonada pelo seu marido e presenciou a morte de sua filha, por ser analfabeta ela encontrou muitas dificuldades nos seus anos de vida e hoje vive em extrema miséria, o que mais deseja para a sua neta Maya é que ela seja feliz e tenha um futuro digno. Porém a jovem universitária engravida e larga os estudos deixando sua avó amargurada. Sem alternativa Bhima vê o aborto como a solução.

Sera é a patroa de Bhima e mesmo tendo uma vida luxuosa já sofreu bastante com frequentes humilhações cousadas por seu marido e sua sogra, Feroz (marido de Sera) foi um homem muito agressivo que constantemente a espancava, ela era mantida trancada em sua casa e ainda era obrigada a aguentar calada as alfinetadas da sogra. Com a morte do marido sua filha Dinaz junto com o marido, decidem ir morar com ela e após algum tempo Dinaz engravida trazendo alegria para a casa.


A gravidez das duas jovens traz sentimentos contrários para os personagens, enquanto Dinaz e sua família estão felizes com a chegada da criança Bhima está triste pela vergonha de sua neta, Maya não revela quem é o pai e a cada dia se apega mais a criança em sua barriga, ela não quer o aborto mas Sera e Bhima a obrigam. São cenas muito impactantes e tensas.Sera e Bhima tem uma relação grande de amizade porém com o respeito da hierarquia, são cúmplices uma da outra já há muitos anos, as duas viram os danos que os anos de sofrimentos lhes causaram. Mas agora as coisas estão mudando, uma gravidez mal vista pela sociedade e a outra bem-vinda pela família coloca em risco a relação entre elas. 

O livro alterna o ponto de vista dos personagens e faz viagens no tempo para que o leitor entenda os acontecimentos presentes e se envolva com a história. Nesses capítulos onde acompanhamos o passado vemos a luta de cada uma, enquanto Bhima tinha uma vida feliz ao lado de sua família vemos a angústia de Sera em seu casamento, acompanhar o que aconteceu com Bhima para que chegasse ao ponto em que vive hoje é surpreendente a cada capítulo.


As revelações finais do livro são chocantes, descobrir o pai do filho de Maya  nos deixa perplexos. A Distância Entre Nós é um livro muito triste e cheio de fortes sentimentos, mas confesso que o aborto foi um dos momentos mais tristes e tensos para mim. No final do livro a revelação que Maya faz me deixou revoltada não apenas pelo que ela conta mas também pelo aborto. Gostei muito do livro e pela reação de Bhima no final eu acho que ela poderia ter tido outra atitude mas o que ela fez condiz exatamente com suas características e com a realidade da Índia, deixando o livro muito mais natural.

Para finalizar, eu indico a leitura e se for ler prepare o coração!

Nenhum comentário:

Postar um comentário