2 de outubro de 2016

Inconfesso Desejo (Carlos Drummond de Andrade)


Inconfesso Desejo

Queria ter coragem
Para falar deste segredo
Queria poder declarar ao mundo
Este amor
Não me falta vontade
Não me falta desejo
Você é minha vontade
Meu maior desejo
Queria poder gritar
Esta loucura saudável
Que é estar em teus braços
Perdido pelos teus beijos
Sentindo-me louco de desejo
Queria recitar versos
Cantar aos quatros ventos
As palavras que brotam
Você é a inspiração
Minha motivação
Queria falar dos sonhos
Dizer os meus secretos desejos
Que é largar tudo
Para viver com você
Este inconfesso desejo
(Carlos Drummond de Andrade)

16 comentários:

  1. Que poesia linda Bia! Eu não conhecia!

    ResponderExcluir
  2. Eu tenho me tornado uma grande fã de poesia, embora muitas vezes eu não entenda hahaha. Sim, tenho dificuldade com interpretações nas entrelinhas. Gostei dessa coluna, é sempre bom ver coisa bonita. Lindo poema do Drummond.
    Um abraço!

    http://paragrafosetravessoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou da coluna, tem sempre dica de poesia por aqui :)

      Excluir
  3. Eu adoro poesias. Acho que o que fascina é que para cada um ela se apresenta de um jeito, desperta um tipo de sentimentos, por isso é tão mágica. E a escolha por Drummond foi maravilhosa, embora eu tb adore Vinícius de Moraes. rsrs

    *☆* Atraentemente *☆*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também gosto muito das poesias de Vinícius de Moraes, já tem algumas aqui no blog.

      Excluir
  4. Oi Beatriz.

    Nossa! Tinha um bom tempo que não li Carlos Drummond e foi maravilhoso ler esse poema. Tocou profundamente meu coração e fiquei com vontade de reler os poemas e poesias que tenho em casa.

    Bjos

    ResponderExcluir
  5. Olá Beatriz!
    Já tem bastante tempo que não leio os poemas de Carlos Drummond e é tão bom ler Incofesso Desejo, acho que esse eu ainda não conhecia. Lembro da época da escola em que eu sempre pegava os poemas dele pra ler. Deu saudade de ler um livro dele agora.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Hey, tudo bem? Gostei muito do poema, apesar de não me identificar muito com a poesia do Drummond. Inconfesso Desejo é bem gostoso e "fácil" de ler. Ótimo post :D
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Não conhecia esse poema do autor, gostei bastante. É intenso demais! A leitura é fácil, como a Gabrielly falou, gosto desses poemas que não precisa quebrar muito a cabeça para entender, rsrs.
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  8. Poesia é sempre bom, não importa a hora né? Gostei bastante dessa poesia, afinal, quem já não teve esse desejo, essa motivação secreta por alguém, nem que seja uma vez na vida né? Kkkk Enfim, amei viu.

    beijos

    https://ventoliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Olá =) Não sou muito poética, mas ultimamente estou adorando as poesias que ando encontrado. Com essa não foi diferente, gostei bastante. Legal da sua parte reserva um lugarzinho no blog para divulgar trabalho de outros artistas. Beijos'

    ResponderExcluir
  10. Oi Beatriz, sua linda, tudo bem?
    Drummond sempre arrasa. Nossa, senti a paixão em suas palavras, como é intenso, excitante e inspirador estar amando!!!! Traga mais poesias, adorei a coluna!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Ah Drummond *-*
    Quando eu penso que poesia não é minha praia encontro uma assim que toca lá no fundo e me deixa suspirando... E aí a vontade de ler e reler todas as poesias do Drummond bate!!!
    Incrível como elas me inspiram a escrever!
    Continue trazendo mais poesias!!!!
    Beijinhos,
    Lica
    Amores e Livros

    ResponderExcluir
  12. Queria tanto gostar mais de poemas... Não gostar me faz sentir meio burra ou excluída culturalmente, sei lá...
    Gostei muito desse, por exemplo...
    Vamos ver se me interesso por mais... vou começar a companhar ;)


    #Ana
    https://literakaos.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  13. Oi, Beatriz!

    Que poesia linda, estou encantada!

    Sucesso com o blog sempre!
    Beijos, Belle.
    floraliteraria.blogspot.com

    ResponderExcluir