28 de julho de 2015

[Resenha] A Hora da História

DE THRITY UMRIGAR

Título: A Hora da História
Autor: Thrity Umrigar
Editora: Globo Livros
Páginas: 333
Ano: 2015






Eu ganhei esse livro em um concurso da editora Globo Livros onde deveria contar uma história sobre uma amizade que mudou a minha vida, ganhei o concurso e como prêmio recebi não apenas esse livro, mas um kit com 3 livros + temperos indianos, diga-se de passagem os temperos são deliciosos e o tal Chai? hmm. Eu nunca havia lido nada da autora e sua escrita simples me ganhou, esse foi o primeiro livro dos três que eu li e ele me encantou, durante toda a leitura somos levados pelas páginas como se estivéssemos presentes ao lado dos personagens, por vezes senti um aperto no coração com a história de Lakshmi e também sentia a dúvida de Maggie quanto à um dilema em sua vida pessoal. Vem comigo conhecer essa intensa história.



Lakshmi é uma mulher solitária que mora nos Estados Unidos há seis anos com um marido que a proíbe de ter qualquer contato com a família, ela mal fala inglês e vive cercada pelo desprezo e humilhação do marido, desesperada e cansada da vida que leva Lakshmi toma uma atitude drástica e decide dar fim a própria vida, porém seu suicídio dá errado e ela vai parar no hospital onde será tratada pela psicanalista Maggie.

Maggie é uma terapeuta negra bem sucedida e casada há anos com um indiano, ela sempre trata de seus pacientes com o maior profissionalismo mas seus métodos algumas vezes podem ser diferentes dos demais profissionais pois quando sente a necessidade ela foge do protocolo para melhorar o resultado com seus pacientes, ela realmente se dedica a escutá-lo sem jamais se aproximar emocionalmente, existe apenas o profissionalismo mas isso até que conhece Lakshmi.


Por Maggie ser negra Lakshmi no começo tem um certo receio de falar com ela mas aos poucos a terapeuta consegue ganhar a confiança da indiana até que ela começa a lhe contar o motivo por ter atendado conta a própria vida, Maggie a libera do hospital com a condição de que Lakshmi continue o tratamento do lado de fora uma vez por semana em seu consultório particular nos fundos de casa.

Passando a se encontrarem semanalmente as duas começam um tipo de amizade, Lakshmi tem dificuldade de entender o significado de terapia e pra ela as visitas no consultório de Maggie são visitas a sua mais nova amiga e Maggie tenta em vão explicar que é sua terapeuta e não amiga, ela própria começa a se sentir apegada a mulher, Maggie percebe que Lakshimi precisa mais que tudo de uma amiga e aos poucos sem se dar conta elas criam esse laço de amizade.


Lakshmi começa a trabalhar com a ajuda de Maggie como faxineira e cozinheira, a mudança na vida da mulher é notória e não existe mais aquela Lakshmi cabisbaixa e com a auto-estima totalmente destruída, agora ela é um nova pessoa, até o relacionamento com o marido começou a mudar, um casamento arranjado e sem amor onde ela vivia à mercê do marido sendo maltratada e humilhada começou a mudar.

Enquanto isso Maggie vive assolada por um passado que não consegue superar e passa a ter um caso, isso só piora a sua rotina pois a cada encontro se sente mais culpada, então ela decide por um fim nessa relação. Com as histórias que ouve de Lakshmi ela revive seu passado e as lembranças ficam mais vivas em sua mente. As duas acabam passando de terapeuta e paciente para duas amigas.


Mas essa amizade pode terminar de forma dramática e irreparável, Lakshmi decide contar o seu maior segredo que desintegra completamente a maneira como Maggie a vê, acaba com a inocência de sua história e Maggie esquecendo-se completamente que é terapeuta da mulher age com a emoção ao invés da razão e sua atitude não é muito agradável.

Passados alguns dias um fato perturbador acontece e Lakshmi descobre algo que não deveria, agora é vez de Maggie se expor e seu segredo é escancarado para Lakshmi de forma vergonhosa, a maneira como a indiana reage é muito impulsiva mas magoada pela forma com que Maggie a tratou ela é motivada a trazer esse fato à tona.

A Hora da História é uma trama envolvente que começa de maneira muito leve e vai se intensificando, Thrity Umrigar escreveu uma história bonita e impactante, quando os segredos de ambas  são expostos é difícil tomar um partido, o leitor acompanha os dois lados e sabe de todos os motivos mas decidir entre raiva ou compreensão não é uma tarefa fácil. Na história de Lakshmi é possível entender seus motivos mas daí a aceitá-los é diferente e continuar a leitura a vendo como vítima é uma questão de ponto de vista. Na história de Maggie ao mesmo tempo em que se vê a intensidade do seu segredo é possível ver o seu desespero por ele. Quando as duas têm seus segredos revelados e ambas agem de maneira desagradável o leitor é tomado por muitos sentimentos como raiva, afeto e empatia. 

Um livro que nos faz refletir sobre nossas atitudes, sobre a necessidade de perdoar e ser perdoado e entender que nem sempre a realidade é aquela que vemos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário