[Resenha] O Golpe

27 de dezembro de 2019

Título: O Golpe
Autor: Christopher Reich
Editora: Arqueiro
Páginas: 384
Ano: 2019
Adicione ao Skoob
*Cortesia da editora
Sinopse: Simon Riske é um espião industrial freelance que, apesar da profissão, consegue ter uma vida relativamente tranquila evitando trabalhos arriscados e sujos e fazendo bicos para bancos, companhias de seguros e o serviço secreto britânico.
Até que o gângster Tino Coluzzi leva a cabo o assalto mais audacioso da história de Paris: o roubo de milhões, em dinheiro vivo, de um príncipe saudita – além de uma carta secreta tão explosiva que pode derrubar governos, redefinir alianças e alterar o equilíbrio de poder no mundo ocidental.
Riske é então contratado pelo governo americano para recuperar o documento, e para isso terá que acertar as contas com um antigo aliado.
No passado, ele e Coluzzi trabalharam juntos, mas a relação criminosa terminou com Riske na prisão. Agora, anos depois, os dois se enfrentam, seguidos de perto por um perigoso policial parisiense, por uma femme fatale russa e o chefe desequilibrado dela – e talvez até pela CIA.
Resenha

“Os fracos se vingam. Os fortes perdoam. Os inteligentes ignoram.”
Simon Riske é um espião freelance e é um dos melhores, ele tem as suas próprias regras, seus princípios e um passado conturbado. Além de seus serviços como espião – que lhe rendem uma boa grana – ele tem uma oficina que é uma de suas paixões. Simon é confiável, muitas empresas de seguro e bancos o procuram para contratá-lo, assim como o serviço secreto britânico. Agora ele está envolvido em algo que se for a público pode destruir as grandes potências e fazer um rebuliço no cenário político mundial!

Um príncipe saudita passava as férias com a família em Paris quando foi assaltado. Como de costume, o príncipe carregava muito dinheiro vivo para despesas, os assaltantes tinham informações privilegiadas de cada passo da família e das preferências do príncipe. Mas o que eles não sabiam era que o príncipe estava em posse de um documento valiosíssimo roubado dos cofres da CIA. Uma carta secreta que pode abalar o mundo se for revelada. E essa carta acaba nas mãos de um perigoso e importante gângster, Tino Coluzzi.
Foi Tino quem assaltou o príncipe, o homem que o contratou foi claro ao falar que seu interesse era apenas na pasta do príncipe, todo o dinheiro ou jóias encontrados durante o roubo poderia ficar com Coluzzi e seus homens. Obviamente, essa atitude estranha do contratante intrigou Tino que foi examinar a pasta e, após passar por mecanismos secretos, acabou descobrindo o verdadeiro motivo do roubo. A carta.
”Aquela carta valia muito mais do que 600 mil euros.
Nas mãos certas, valia um milhão. Cinco milhões. Dez, até.
E nas erradas?
Coluzzi sorriu. Nas mãos erradas, seu valor era incalculável.”
O assalto ao príncipe acabou se revelando mais promissor do que Coluzzi imaginava. Só que agora ele está com um problema nas mãos. Uma carta de tamanha importância não poderia ser entregue a qualquer um e para chegar às pessoas certas (ou, nesse caso, às pessoas erradas) ele teria que se expor demais. As pessoas que comprariam a carta não são confiáveis. Qualquer uma deles mataria Coluzzi em apenas um piscar de olhos. Ele precisará de cuidado redobrado.
O governo britânico contrata Simon para recuperar a carta, a princípio ele não se interessa pelo serviço, mas quando descobre que Tino Coluzzi está com ele sua opinião muda, eles têm um passado que precisa de um acerto de contas e Simon busca a sua vingança. Tino e Simon já trabalharam juntos, eram ótimos no que faziam e eram amigos. Até que um assalto grande deu errado e Simon descobriu que foi traído por Tino. Simon passou anos na cadeia e lá ele foi provado dia após dia. Os anos que passou detido deixaram marcas, tudo culpa de Coluzzi. Agora Simon tem a oportunidade de estar de frente com seu inimigo.

Muita gente está de olho nessa carta e Simon vai ter que lidar com uma espiã russa que está em seu encalço. Valentina é impiedosa, para ela, tudo o que importa é obter êxito na sua missão, custe o que custar. E Simon está no caminho dela. Valentina quer a carta que está com Coluzzi e precisa tirar o americano da jogada antes que ele roube a carta de volta. Quem conseguir colocar as mãos na carta antes vai ditar o futuro do mundo.
Minha impressão
Esse foi o meu primeiro contato com a escrita do autor e gostei demais da maneira como ele conduziu a trama, a leitura é ágil, o livro segue um ritmo frenético e temos muita ação ao longo das páginas. O Golpe é um thriller político completamente envolvente, uma carta extremamente importante foi roubada dos cofres da CIA e tem muita gente de olho nela, seu conteúdo coloca em risco o atual cenário político mundial e é preciso recuperá-la antes que ela se torne pública.

Simon Riske e Tino Coluzzi são arqui-inimigos, no passado eles trabalhavam juntos, até que Coluzzi traiu Riske durante um assalto grande e este foi preso, onde passou os piores anos de sua vida. Coluzzi realizou um assalto a um príncipe saudita e acabou em posse da carta, Riske foi contratado pelo governo britânico para recuperá-la e ainda terá a chance de acertar as contas com o seu rival. E também tem uma espiã russa que não mede esforços para alcançar seus objetivos e precisa pegar a carta, tirando de seu caminho qualquer um que ouse impedi-la.

São muitas surpresas, reviravoltas a todo instante. É uma leitura que eu recomendo, quem gosta do gênero vai se deliciar com a leitura e quem ainda não leu nada do gênero, vale a pena dar uma chance. O livro tem muito estilo de filme, quando terminei de ler eu fiquei com a maior vontade de ver uma adaptação cinematográfica.

Minha nota para o livro

9 comentários:

  1. eu só consigo me perguntar como que eu não conhecia esse livro!
    Adorei o fundo politico e o fato de ter muita ação me encantou muito também, adorei mesmo. Agora eu já quero muito ler, saudades de ler um bom thriller policial!

    ResponderExcluir
  2. Olá, adorei a doca de leitura, gosto do gênero e acredito ser uma boa experiência literária, gostei de saber sobre o estilo da obra tem livro que merece muito uma adaptação né!

    ResponderExcluir
  3. Olá, Beatriz! Tudo bem?

    Eu também curto muito os livros de suspense/thriller, mas confesso que estou um pouquinho cansado do gênero literário. Entretanto, esse livro parece ser bem legal e fico contente em saber que tem surpresas e reviravoltas no enredo. Gostei de conferir a sua opinião!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  4. Olá, amei conhecer esse livro pelo seu post, gosto bastante de thrillers e achei muito legal o enredo desse, já vai pros meus desejados.

    ResponderExcluir
  5. Que livro interessante, Beatriz!
    Eu ainda não tinha visto nada sobre ele, mas fiquei interessada! Gosto de livros com ritmos frenéticos que não dá para parar de ler, que nos deixam conectados a história, ainda mais quando estou com aquela ressaca literária e nenhum livro me agrada. Vou guardar a dica!

    www.sonhandoatravesdepalavras.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oi, tudo bem?
    Eu nunca tinha ouvido falar sobre esse livro ou o autor, mas já fiquei curiosa para ler. Não tenho o hábito de ler muitos livros do gênero, mas parece que esse tem uma trama incrível, cheia de reviravoltas e muito envolvente. Adorei sua resenha e já vou adicionar na lista de desejados.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. não me recordo se já li thriller político, e creio que não acho que por isso esse me pareceu algo que eu mega leria, adoro temáticas politicas em livros mais frenéticos, tem muito jetio de uma obra que eu amaria :3

    ResponderExcluir
  8. Oii tudo bem ?
    Não conhecia esse livro fiquei bem intrigada em saber mais da obra e como ela finaliza espero conseguir ler essa obra que parece ser muito boa ela parece ser cheia de reviravolta incríveis .Obrigado pela dica

    Bjs

    ResponderExcluir
  9. I don’t know the question, but sex is definitely the answer. Hey, i am looking for an online sexual partner ;) Click on my boobs if you are interested (. )( .)

    ResponderExcluir