24 de outubro de 2017

Eu amava mais você do que a mim mesma (Tamires Vargas)


Eu Amava Mais Você do que a Mim Mesma

Tolamente me enamorei de ti.
Calcei teu caminho com rosas,
Separei para mim os espinhos.


Vesti-me de amor puro,
Ofereci a ti todos os frutos,
Colhi as cascas que me deste.

Esperei nossa primavera
Por duplas e duplas de anos
Vendo o inverno nos teus olhos.

Aqueci-me nos breves raios do teu sol
Furtados por eclipses
De distância ao teu lado.

Chorei saudades do pouco que tive,
Ansiei por sonhos inalcançáveis,
Cortei meu coração nas tuas palavras afiadas.

Desfiz-me de mim,
Por e para ti
Desnudei minha alma.

Foi sem ela que na nossa sala
Eu te disse adeus.
(Tamires Vargas)

6 comentários:

  1. Ahhh que lindo :D

    http://submersa-em-palavras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Nossa, que poesia profunda!
    Ela ilustra bem o que é um relacionamento abusivo, fiquei impactada por me identificar com alguns versos...
    Compartilhar modo ON porque todos precisam ler esse poema!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Andrea. Quando vi esse poema a primeira vez eu também achei bem impactante, ele exemplifica tão bem uma mulher que não se enxerga vivendo em um relacionamento abusivo que eu precisei compartilhar aqui no blog.

      Excluir
  3. Oi, Beatriz!
    Que lindo! Impossível não se identificar, e comparar com as nossas próprias emoções! Só o título já mexe bastante com a gente! Parabéns!

    Beijos,
    Eli - Leitura Entre Amigas
    http://www.leituraentreamigas.com.br/

    ResponderExcluir
  4. que tristeza nos versos... :(
    profunda e tocante essa poesia...
    gostei...
    bjs...

    ResponderExcluir
  5. Olá, tudo bem? Que poema profundo. Falar de amor é sempre complicado. Gostei bastante!
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir